17.7.12

 

 

                        Para mim o maior bem

 

                   É ter Mãe. E bom seria

 

                   Que, em vez de um Dia da Mãe.

 

                   Houvesse Mãe dia-e dia

 

                     (Manuel Abrantes)

 

 

                                        

 

 

                                        

                            CINCO   RETRATOS

 

No quarto onde dormi sempre contigo,

 

Já não esperas nunca que eu regresse:

 

Mas quando eu vou à rua vais comigo

 

E que estás inda em casa me parece!...

 

 

 

Quando abro a nossa porta - o nossso abrigo -

 

A minh 'alma dorida entenebrece.

 

Se às memórias regresso... se investigo...

 

Apenas teu retrato me aparece!

 

 

 

São cinco os que cá tenho na mesinha:

 

Da prima, do Augusto, da Gracinha;

 

E o teu, querida mãe - como estás linda!

 

 

 

E há outra que Deus tem já lá no Céu:

 

Amiga que também muito sofreu

 

E é por todos lembranda - A nossa Arminda!

 

 

Clarisse Abril 1998

link do postPor canticosdabeira, às 22:10  comentar

 
mais sobre mim
Julho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


arquivos
2012

2011

2010

2009

links
capas dos livros

CLIQUE PARA LER
Clique para ler


Clique para ler


Clique para ler


Clique para ler
blogs SAPO