17.7.12

 

 

 

                         Amor de Mãe quem tiver

 

                         Guarde-o sempre muito bem;

 

                         -Não há amor de mulher

 

                         Igual ao amor de mãe!

 

                               (Francisco dos Santos)

 

 

                              flores animadas

 

 

            VIVA NA SAUDADE

 

 

 Ai, mãe, se do Céu vês, estou aqui

 

 Deitada e ocupando o meu lugar,

 

 Onde sempre fiquei, ao pé de ti,

 

 Para a qualquer instante te ajudar.

 

 

 

 Ai, mãe, custa-me a crer que te perdi

 

 E que jamais podemos conversar.

 

 Olhando o teu retrato, que sorri,

 

 Julgo ver-te a meu lado a descansar!

 

 

 

 Falo contigo como antigamente

 

 Contando os meus segredos. com verdade,

 

 Pois és ainda a minha confidente...

 

 

 

 Eu sei que já estás na Eternidade,

 

 Mas continuas, mãe, aqui presente

 

 Pois vives no meu peito e na Saudade!

 

Clarisse- Março 1998

link do postPor canticosdabeira, às 19:00  comentar

 
mais sobre mim
Julho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


arquivos
2012

2011

2010

2009

links
capas dos livros

CLIQUE PARA LER
Clique para ler


Clique para ler


Clique para ler


Clique para ler
blogs SAPO